05 agosto 2010

Sociedade Esportiva Brazlândia





A Sociedade Esportiva Brazlândia é um clube de futebol da região administrativa de Brazlândia, no Distrito Federal. Fundado no dia 5 de junho de 1995, é o representante da cidade nas competições oficiais, conhecido como Garça ou Tricolor da Chapadinha. Conquistou a segunda divisão estadual em 2007, desbamcando o favorito Legião.

Começou a disputar os campeonatos estaduais em 1996, quando fez uma boa campanha, chegando até a segunda fase do torneio, acabando por ser eliminado. Porém em 1997 o Tricolor da Chapadinha foi rebaixado para a segundona.

Em 1998 voltaram para a divisão principal, mas perderam a decisão disputada contra o Ceilândia.

No ano 2000, Moacir Ruthes assumiu a presidência do clube, sendo que em 2001 o time fez uma grande campanha, liderou a primeira fase e chegou até as semifinais, quando foi eliminado pelo grande time do Gama. Com exceção desse ano, quando foram comandados pelo treinador Eurípedes Bueno, o primo pobre do futebol candango geralmente lutava para não ser rebaixado, sempre foi cotado para o rebaixamento, até por ser um clube que historicamente não tinha muito dinheiro. A situação do clube é crítica. Com o fim do subsídio do Governo do Distrito Federal ao futebol candango, a crônica crise financeira se agravou.

Em 2002 chegou ao 6° lugar e 2003 chegou a um sexto lugar, mas em 2004 não teve jeito para o clube, que conquistou míseros 2 pontos em 11 jogos e foi novamente rebaixado. Em 2005 tentou voltar á elite, mas acabou sendo eliminado pelo Capital.

No ano de 2007, acabou conseguindo a tão sonhada vaga, com alguma vantagem em cima do terceiro colocado, o Cruzeiro. Na final, disputada em jogo único no Mané Garrincha, a Garça jogou com raça e conseguiu desbancar o favoritismo do Legião, goleando por 4 x 2 e conquistando seu primeiro troféu na trajetória profissional.

Brazlândia em 2007

No ano seguinte conseguiu fazer o ''feijão com arroz'' para se manter na divisão principal, ficando em 5° lugar e até conseguindo vencer o Brasiliense na Chapadinha por 1 x 0, que naquele torneio era o time que estava dando as cartas, com destaque para o goleiro Osmair nos jogos. Até teve direito de disputar a Série C por desistência de outros clubes, mas acabou desistindo também.

Sem dinheiro, em 2009 o clube foi lanterna da competição estadual e rebaixado para a segunda divisão do DF, levando a maior goleada do campeonato, um 5 x 0 para o Brasiliense.

Brazlândia em partida contra o Luziânia, em 2009


Escudos Anteriores



Mascote

Garça


Estádio


Chapadinha


Nome: Estádio da Chapadinha
Local: Brazlândia/DF
Capacidade: 3000 pessoas
Inauguração: 05/06/1970
Primeiro Gol:
Recorde de Público:
Propriedade: Administração Regional de Brazlândia

2 comentários:

  1. o recorde de publico foi 7000 co0ntra o gama.

    ResponderExcluir
  2. Opa amigo, quando foi esse recorde de público. Obrigado !

    ResponderExcluir

Seguidores

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *