20 junho 2010

São Raimundo Esporte Clube

O São Raimundo Esporte Clube é uma agremiação esportiva da cidade de Santarém, uma das principais do estado do Pará. Fundado no dia 9 de janeiro de 1944, a Pantera, como é conhecido o São Raimundo, é um tradicional clube do estado, contando com uma rivalidade citadina com o São Francisco. Tem como título o primeiro campeonato da Série D, disputado em 2009, além de ter uma torcida que sempre marca presença nos jogos em Santarém.


Com a decadência e desativação do Vasco da Gama, fundado em 1932, que teve como seu último presidente o senhor Odorico Reis de Almeida, surgiu em 1942 o Alegria Esporte Clube (uma alusão a Rua da Alegria), desarticulado no ano seguinte quando foi transformado em Santa Cruz Esporte Clube, de vida curta, e logo sucedido pelo São Raimundo Esporte Clube, no dia 9 de janeiro de 1944, num amistoso contra o selecionado de uma comunidade localizada as margens da rodovia Everaldo Martins. No momento de sua inscrição, um de seus sócio-fundador, o Sr. David Natanael ao invés de escrever o time como "São Brás" inconscientemente escrevera como São Raimundo. O uniforme, a princípio predominantemente na cor branca, além da influência dos uniformes oficiais do Santos Futebol Clube, de São Paulo e da própria Seleção Brasileira, se tornava mais fácil adquiri-lo no mercado da época. A sede provisória passou a ser a residência do próprio Odorico Reis Almeida na atual Rua 24 de Outubro, local da fundação.

 Neste mesmo ano, o São Raimundo enfrentaria pela primeira vez o seu principal rival, o São Francisco, no campo "O Poeirão" onde hoje se localiza o Colégio Batista. No Confronto, o time azulino levou a melhor, com o placar de 5 a 3. O esquadro do pantera que participou do primeiro clássico RaiFran da história foi: Gerson; Valdomiro e Nezinho; Valdemarinho, Moacir e Francisco Nascimento; Manezinho, Tapioca, Domingos Rock; David Natanel e Ceci Nascimento.

O escudo alvinegro é considerado SUI GENERIS, ou seja, o único clube no mundo que apresenta este formato. Foi baseado no designer da bola oficial que girava os gramados pelo mundo na época de sua fundação em 1944. Foi remodelado pelo designer Ítalo Jean em 2009. No centro da bola entre os gomos está a sigla S.R.E.C, representando as iniciais de São Raimundo Esporte Clube.

No dia 15 de janeiro de 1950, a Pantera conquistou seu primeiro título ao vencer o Campeonato Santareno de 1949 em cima do América por 1 x 0. Nos anos 50, os ídolos do clube eram Belêlêu e Enéas, que encantaram a torcida alvinegra.

Enéas e Belêlêu em jogo da Pantera

Somente nos anos 90, mais precisamente na segunda divisão estadual de 1997, o São Raimundo começou a disputar torneios profissionais, assim como o rival São Francisco. Os dois acabaram subindo para a divisão principal, o São Francisco como campeão e a Pantera como vice.

Em 2001 a Pantera viu seu rival ser rebaixado para a segunda divisão, e após isso não voltar mais a disputar competições, voltando suas atenções ao esporte amador. Em 2005 o São Raimundo ficou em 30° lugar na Série C, sendo eliminado na segunda fase. Foi campeão do primeiro turno no Pará.

Em 2009 foi um ano para ficar na memória da cidade de Santarém e de todos os seus adeptos. O clube fez até campanhas boas em alguns anos anteriores, contando com jogadores principalmente da região. A Pantera surpreendeu e venceu o segundo turno do torneio. Chegou a final, mas perdeu para o Paysandu.

Na Série D que veio a sua consagração, sendo o representante do Pará na competição. Classificou-se no grupo 2 em primeiro lugar. Eliminou o Gênus, depois passou pelo Cristal 2 vezes (o regulamento classificava também os 3 perdedores com melhores campanhas, englobando o Cristal), indo para a Série C. Na final acabou perdendo o primeiro jogo para o Macaé em Volta Redonda por 3 x 2. No segundo jogo acabou vencendo por 2 x 1 de virada e se sagrando campeão da Série D, o primeiro título nacional de um time do interior paraense. O estádio ficou lotado, mais de 18 mil pessoas estiveram lá dando apoio ao São Raimundo. Vários destaques do time, como o treinador Lúcio Santarém, goleiro Labilá, entre outros, ficarão eternizados.

São Raimundo campeão da Série D em 2009

Em 2010 ficou em 6° lugar no estadual e disputou pela primeira vez a Copa do Brasil. O adversário foi o Botafogo. O clube santareno venceu por 1 x 0 no Barbalhão, mas perdeu os pontos por escalação irregular de jogadores. O Botafogo venceu no Rio por 4 x 3 e eliminou a Pantera.

Torcida da Pantera comemorando a ''vitória'' sobre o Botafogo 


Escudos Anteriores



Mascote


Pantera

Por ocasião da disputa do Campeonato Santareno de 1957, quanto o São Raimundo voltou a ser campeão, o locutor Elias Pinto, torcedor e fundador do time, através do microfone da Rádio Clube, passou a denominá-lo de “O Pantera Negra”.



Estádio
Barbalhão ou Colosso dos Tapajós

Nome: Estádio Estadual Jader Barbalho 
Local: Santarém/PA
Capacidade: 19524 pessoas
Inauguração: 1987
Primeiro Gol:
Recorde de Público: 20000 pessoas, no jogo entre São Raimundo x São Francisco
Propriedade: Governo do Pará
Obs: Jader Fontenelle Barbalho foi governador do Pará entre 1983 e 1987 e de 1991 até 1994.


Hino
Autor: Cesar Brasil

Pantera! Pantera! Goool!
Meu São Raimundo,
Glorioso alvinegro,
Joga bola pra valer
Sou São Raimundo até morrer. (2x)
Muitas glórias no passado e no presente
No esporte é o maioral
Meu Pantera Negra
Só tu é o nosso ideal
São Raimundo é time forte e de raça
Nos gramados, vence tudo e ergue a taça.
A torcida agora grita de emoção:
"São Raimundo, meu pantera, é campeão!".
Pantera! Pantera! Goool

Link: http://www.youtube.com/watch?v=_RsheOuRBCU


Final da Série D no Barbalhão: http://www.youtube.com/watch?v=LdOpKrBQK9E&feature=related

3 comentários:

Seguidores

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *